Artista independente, qual é o caminho?

Uma das perguntas que mais respondo nos últimos anos é justamente sobre o que um artista independente deve fazer para convencer uma gravadora de grande porte em investir no seu talento. Esta é uma resposta difícil de ser ouvida pelo interlocutor, mas extremamente simples de ser explicada por quem já está neste meio há tantos anos.

Costumo sempre dizer aos artistas que almejam por maior visibilidade de seus trabalhos que o caminho natural é tornar-se referência, ser reconhecido inicialmente em sua cidade. Depois passar a ser reconhecido na região e, por fim em seu Estado. Este processo de tornar-se conhecido regionalmente pode levar uns 2 a 3 anos como também durar uma década ou mais. O resultado desta estratégia está intimamente ligado à qualidade e talento do artista e também por uma boa dose de investimento pessoal e perseverança.

Levando-se em conta que o talento é indispensável, um passo importante neste processo tem a ver com a rede de relacionamentos. É fundamental que o artista tenha contatos com as lideranças locais, mídias e formadores de opinião. Esta rede de relacionamentos é a mola mestra para uma agenda de eventos aquecida. Artista que não gosta de cantar, não merece o sucesso! Por incrível que pareça, conheço artistas consagrados que fazem um absurdo “corpo mole” para participarem de eventos. Impressionante não?

Costumo brincar que artista independente ou mesmo aquele jovem talento que esteja numa gravadora, todos estes precisam cantar de manhã, tarde, noite, madrugadas! Seja em batismo, casamento, bodas, funeral, não importa a oportunidade, o importante é mostrar seu talento no maior número de oportunidades.

Antes que alguém comece a espiritualizar estas dicas, quero deixar bem claro que estou me dirigindo para pessoas que pensam em seguir uma carreira musical de forma profissional. Certo? Então, seguindo neste ponto, a agenda é primordial que esteja recheada de eventos.

Outro ponto importante é o investimento pessoal. Muitos artistas querem logo ver suas fotos estampadas em outdoors, capas de revistas, posters … mas estes investimentos devem ser colocados em segundo ou terceiro planos. Se você tem alguma verba disponível invista prioritariamente em mídia radiofônica. Se sua música não tocar nas rádios, o seu trabalho de divulgação será absurdamente mais difícil.

Com a expansão da web, outro investimento fundamental é criar uma excelente homepage, além de myspace, twitter e todas as ferramentas tecnológicas. Existem casos clássicos de artistas que foram catapultados ao sucesso através de clipes na internet.

Ainda no campo dos investimentos pessoais, procure assistir ao máximo de vídeos de artistas de sucesso. Esta é uma oportunidade simples e eficiente para aprender com quem faz e se destaca no mercado. Estude, leia, participe de seminários, busque o conhecimento, sempre!

Por semana tenho recebido entre 20 a 50 CDs e DVDs de artistas esperançosos por serem contratados numa grande gravadora. Por mais que me esforce, é impossível ouvir atenta mente a todo este material. Se você me perguntar se nestes anos todos já contratei algum artista através de um destes CDs, serei honesto em dizer que não! É mais ou menos como você com um bilhete único acertar na MegaSena sozinho entre milhões e milhões de apostadores. É impossível? Não! Sempre alguém acerta os números, mas você conhece alguém que tenha acertado? Nem eu …

Para se chegar aos olhos e ouvidos de uma grande gravadora você pode optar pela indicação de um artista de renome para recomendá-lo, o que na maioria das vezes não faz muita diferença ou então você faz sua carreira decolar em sua cidade, região e Estado. A segunda opção é mais lenta, mais cansativa, mais dispendiosa, no entanto é bem mais garantida. Cabe a você decidir!

15 Comments

Deixe uma resposta