Home Humor

Acompanhando mais uma enxurrada de tweets de meu amigo e editor do Observatório Cristão, o perspicaz Carlos André, gostei muito de uma frase postada por ele em mais uma de suas madrugadas inspiradas, cáusticas e deliciosamente crítica. A frase é a seguinte:“Música boa não envelhece. Música ruim já nasce morta!” E como temos visto exemplos moribundos de músicas natimortas em nosso meio!

De cada 10 CDs que recebo para avaliação, pelo menos 8 produções têm entre 12 a 14 faixas gravadas. A impressão que me dá é de que há uma lei federal punindo o artista que não grava mais do que 12 canções por álbum ou ainda, um conceito de que o consumidor final fica contando o número de faixas por CD para fazer conta se o valor de venda é compatível ao preço do produto. Como se música fosse algo que pudesse ser pesado atendendo ao adágio popular “vale o quanto pesa”.

Uma das frases que mais ouço de artistas querendo justificar o excesso de músicas no CD é justamente – “Tem muita música boa! Ficou difícil escolher e colocamos 14 canções” – no entanto, ao ouvirmos o trabalho não encontramos 14 sucessos, ou melhor, ficamos muito longe disso! Tem também aquela visão míope do cantor que se julga um compositor de mão de cheia e que na verdade, seja pelo ego de ver seu nome impresso no encarte do CD ou pela ganância de receber os direitos autorais, faz questão de emplacar suas composições no repertório.

13 510

O Observatório Cristão tem sido pródigo em dar dicas em seus inúmeros posts, principalmente para artistas debutantes e independentes, sobre carreira, montagem de repertório e assuntos afins. Por indicação do nosso editor Vlad Lacerda conferi este vídeo abaixo apresentando uma forma inusitada de ter seu talento de designer e criação reconhecido por alguns dos ‘papas’ da publicidade nacional. Adaptando a estratégia para o mercado fonográfico, basta você convidar o A&R – profissional que cuida da área de produção musical e contratações – para conhecer melhor seu talento, seus trabalhos e na seqüência apele para a visita surpresa! Só uma última informação, na Sony Music não recebo artistas para reuniões como esta sem contar com a presença de mais profissionais de minha equipe, até porque nunca ouvi falar de hipnose coletiva!

Nos últimos dias muito tem sido comentado no meio gospel tupiniquim sobre o cancelamento “por força maior” (o que é isso? força maior!?!?!?!?) da maior premiação da música gospel nacional, o Troféu Talento realizado desde 1985 pela Rede Aleluia. Mesmo marcado por discordâncias, torcidas contra e a favor de determinados artistas e de ter uma certa aura de dúvida sobre os critérios utilizados, a premiação constava do calendário do meio gospel e tornou-se (sua ausência) a grande decepção deste ano de 2010.
No site oficial do evento a escassez por notícias é tão grande como a falta de chuvas no Deserto do Atacama no Chile. Então para não deixarmos o ano de 2009 passar em branco em termos de premiação e reconhecimento aos artistas, designers, compositores, produtores e arranjadores que se esforçaram por apresentar projetos de qualidade, nós do Blog Observatório Cristão resolvemos criar uma simbólica premiação.
Em antítese ao Troféu Talento que de tão lento ficou parado, pensamos em chamar nossa premiação de Troféu Tá Rápido, mas o nome não soava bem, então optamos pelo nome bem americanizado de Fast Awards … hummm … mas péraí … se é o Blog Observatório Cristão que irá ter esta hercúlea atribuição de coordenar a premiação e como nosso blog se apresenta como um canal didático abordando constantemente o marketing como uma importante ferramenta, como é que podemos não aproveitar esta oportunidade para consolidar ainda mais nossa marca no cenário? Assim sendo, o nome de nossa premiação será Observatório Awards 2010, gostaram? Hummm … ok, podemos pensar em algo melhor, mas por enquanto vamos com esse nome mesmo, ok?
Como este insight foi gerado hoje. Ainda não tivemos tempo para esmiuçar mais detalhes da premiação, mas o que já temos como base é o seguinte:
1) Estaremos premiando os artistas que mais se destacaram em 2009 no meio gospel entre janeiro e dezembro;
2) A primeira fase será livre e completamente democrática (onde isso vai parar?), ou seja, vamos aceitar indicações dos internautas em todas as categorias. Os artistas (5 a 10) mais indicados por categoria irão concorrer na fase final;
3) A fase final será decidida por “notáveis do meio gospel” … quem seriam estes? Anotem aí: o triunvirato do Blog Observatório Cristão e mais jornalistas especializados, produtores musicais, designers, artistas referência e mais um ou outro que não pensamos direito. Essa verdadeira Academia reunirá não mais do que 50 pessoas e terão o poder de decidir os vencedores de cada categoria;
4) Vamos incluir uma categoria Escolha do Público que irá reunir os 10 artistas mais citados em todas as categorias;
5) Teremos 3 tipos de categorias: Música, Web e Designer, Estilo Musical;
5.1) Música composta por: Música do Ano, Intérprete Masculino, Intérprete Feminino, Banda do Ano, Artista Revelação, Vídeo Clipe, Escolha do Público;
5.2) Web & Designer composta por: Material Gráfico CD/DVD, MySpace, Site Oficial, Personalidade Web,
5.3) Estilo Musical composta por: CD Pop, CD Adoração e Louvor, CD Rock, CD World Music e Miscelânea, CD Pentecostal/Sertanejo;
6) Nos próximos dias vamos explicar como iremos receber as indicações do público e demais informações;
7) Aceitamos sugestões, ajuda, oferecimentos … mas nada de marmelada, votos de cabresto e afins, ok?
Contamos com a sua ajuda! Tão logo esta megaultrapower premiação começar seu processo de seleção, envie seus candidatos e divulgue para todos seus contatos. Em breve todas as informações, aguardem!
Postado por Equipe Observatório Cristão

Observatório Awards 2010

Nos últimos dias muito tem sido comentado no meio gospel tupiniquim sobre o cancelamento “por força maior” (o que é isso? força maior!?!?!?!?) da maior premiação da música gospel nacional, o Troféu Talento realizado desde 1985 pela Rede Aleluia. Mesmo marcado por discordâncias, torcidas contra e a favor de determinados artistas e de ter uma certa aura de dúvida sobre os critérios utilizados, a premiação constava do calendário do meio gospel e tornou-se (sua ausência) a grande decepção deste ano de 2010.

No site oficial do evento a escassez por notícias é tão grande como a falta de chuvas no Deserto do Atacama no Chile. Então para não deixarmos o ano de 2009 passar em branco em termos de premiação e reconhecimento aos artistas, designers, compositores, produtores e arranjadores que se esforçaram por apresentar projetos de qualidade, nós do Blog Observatório Cristão resolvemos criar uma simbólica premiação.

Em antítese ao Troféu Talento que de tão lento ficou parado, pensamos em chamar nossa premiação de Troféu Tá Rápido, mas o nome não soava bem, então optamos pelo nome bem americanizado de Fast Awards … hummm … mas péraí … se é o Blog Observatório Cristão que irá ter esta hercúlea atribuição de coordenar a premiação e como nosso blog se apresenta como um canal didático abordando constantemente o marketing como uma importante ferramenta, como é que podemos não aproveitar esta oportunidade para consolidar ainda mais nossa marca no cenário? Assim sendo, o nome de nossa premiação será Observatório Awards 2010, gostaram? Hummm … ok, podemos pensar em algo melhor, mas por enquanto vamos com esse nome mesmo, ok?

Como este insight foi gerado hoje. Ainda não tivemos tempo para esmiuçar mais detalhes da premiação, mas o que já temos como base é o seguinte:

1) Estaremos premiando os artistas que mais se destacaram em 2009 no meio gospel entre janeiro e dezembro;

2) A primeira fase será livre e completamente democrática (onde isso vai parar?), ou seja, vamos aceitar indicações dos internautas em todas as categorias. Os artistas (5 a 10) mais indicados por categoria irão concorrer na fase final;

3) A fase final será decidida por “notáveis do meio gospel” … quem seriam estes? Anotem aí: o triunvirato do Blog Observatório Cristão e mais jornalistas especializados, produtores musicais, designers, artistas referência e mais um ou outro que não pensamos direito. Essa verdadeira Academia reunirá não mais do que 50 pessoas e terão o poder de decidir os vencedores de cada categoria;

4) Vamos incluir uma categoria Escolha do Público que irá reunir os 10 artistas mais citados em todas as categorias;

5) Teremos 3 tipos de categorias: Música, Web e Designer, Estilo Musical;

5.1) Música composta por: Música do Ano, Intérprete Masculino, Intérprete Feminino, Banda do Ano, Artista Revelação, Vídeo Clipe, Escolha do Público;

5.2) Web & Design composta por: Material Gráfico CD/DVD, MySpace, Site Oficial, Personalidade Web,

5.3) Estilo Musical composta por: CD Pop, CD Adoração e Louvor, CD Rock, CD World Music e Miscelânea, CD Pentecostal/Sertanejo;

6) Nos próximos dias vamos explicar como iremos receber as indicações do público e demais informações;

7) Aceitamos sugestões, ajuda, oferecimentos … mas nada de marmelada, votos de cabresto e afins, ok?

Contamos com a sua ajuda! Tão logo esta megaultrapower premiação começar seu processo de seleção, envie seus candidatos e divulgue para todos seus contatos. Em breve todas as informações, aguardem!

Postado por Equipe Observatório Cristão

5 346
Imagina uma cidade chamada Youtube, ou um conhecido chamado WordPress, ou até mesmo Twitter, estranho não?
Pois é, a Gigante Google, deve testar neste ano uma rede experimental de banda larga em cerca de cem cidades nos EUA e essa notícia deixou alguns prefeitos enlouquecidos com a idéia e cheios de expectativas. Afinal imagina sua cidade recebendo um sinal de internet de aproximadamente um gigabyte por segundo?
Aproximadamente cerca de 1100 municípios se escreveram no concurso e a empresa Google vai analisar cada uma das solicitações, sendo que ainda neste ano anunciará as escolhidas.
E, como eu estava dizendo, alguns prefeitos resolveram mergulhar de cabeça em ser o município experimental da Google. No começo de março, o prefeito de Topeka, no estado do Kansas, anunciou que a localidade se chamaria “Google, Kansas” por um mês.
Topeka mudou seu nome original pelo de “Google, Kansas”, da mesma forma que Sarasota, na Flórida, que nomeou “Google Island” uma parte da cidade cujo prefeito, além disso, mergulhou em um tanque cheio de tubarões como apelo publicitário. Haja apelação!
Don Ness, como é chamado o prefeito de “Google Island”, ou melhor, Sarasota, ainda prometeu chamar de “Google Fiber” (“Fibra Google”, em português) os primeiros bebês homens nascido na localidade e de “Googlette Fiber” as primeiras meninas, mas depois afirmou que tudo se tratava de uma piada … humm será mesmo?
Já a Stephanie Rawlings-Blake, prefeita de Baltimore, Maryland, nomeou um empresário da internet local chamado Tom Loveland como “Czar Google” da localidade, cargo que lhe dá competências nos assuntos relacionados à candidatura do município.
As cidades de Baltimore e Colorado investem em mídias sociais, perfis no Facebook, Twitter e Canais no Youtube. A idéia é mostrar o quanto o acesso à internet é importante para estas cidades.
Imagina se essa experiência ocorresse aqui no Brasil? Ao invés de cidades com o nome de Google teríamos Estados, isso porque a qualidade de internet que temos hoje e a diferença cobrada por estado é um absurdo! Imagina só: São Paulo se chamaria São Google, Minas Gerais em Minas do Google, Rio de Janeiro seria Google de Janeiro e Sergipe seria SerGoogle e por aí vai… será que vale a pena? Afinal são 1Gigabyte por segundo!
Agora a palavra é com vocês, nossos leitores blogueiros …
Fonte: G1 Notícias, Vladymi Lacerda, WebDesigner, Observatório Cristão

Imagina uma cidade chamada Youtube, ou um conhecido chamado WordPress, ou até mesmo Twitter, estranho não?

Pois é, a Gigante Google, deve testar neste ano uma rede experimental de banda larga em cerca de cem cidades nos EUA e essa notícia deixou alguns prefeitos enlouquecidos com a idéia e cheios de expectativas. Afinal imagina sua cidade recebendo um sinal de internet de aproximadamente um gigabyte por segundo?

Aproximadamente cerca de 1100 municípios se escreveram no concurso e a empresa Google vai analisar cada uma das solicitações, sendo que ainda neste ano anunciará as escolhidas.

5 543

Pausa refrescante em nosso blog …. aviso aos músicos em viagens pela United Airlines: A United Airlines faz mal à saúde e integridade física dos violões e instrumentos musicais!

Isso não é uma piada! Aconteceu recentemente nos EUA onde um músico teve seu violão quebrado pela delicadeza da equipe de apoio da United Airlines no momento de embarque das bagagens.

Como o músico não conseguiu seu ressarcimento pela empresa áerea, algo em torno de 2 mil dólares, optou por um protesto criativo que vem gerando grande impacto nos EUA. Como não conseguia retorno ao seu pleito, o músico gravou um clipe e postou no YouTube reclamando de forma humorada a forma de atendimento ao seu violão Taylor. O vídeo virou uma febre e foi assistido por milhares de pessoas.

Depois deste sucesso na web a United Airlines resolveu de todas as formas resolver a questão. Sem acordo pela parte do músico a partir de agora. A empresa tentou inclusive bloquear a exibição do vídeo na rede, o que não foi aceito pelo Youtube.

Se a moda pega …